No âmbito da promoção da investigação científica, o CEGEP – Centro de Estudos em Gestão Pública do ISCAD informa que irá realizar-se nos próximos dias 7 a 10 de fevereiro de 2018 as XXVIII Jornadas Luso-Espanholas de Gestão Científica sob o lema Interioridade e Competitividade: Desafios Globais da Gestão.

Estas jornadas são promovidas pela Unidade Técnico-Científica de Gestão e Economia da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Instituto Politécnico da Guarda e vêm dar continuidade aos laços de intercâmbio académico e científico entre as instituições de ensino superior portuguesas e espanholas.

Este evento de caráter cientifico constitui uma oportunidade para a os docentes apresentarem trabalhos de investigação, individuais, ou em conjunto com outros docentes e/ou alunos.

As áreas temáticas consideradas nas comunicações a apresentar às Jornadas, são muito diversificadas e enquadram-se na generalidade das áreas científicas da oferta formativa do ISCAD.

Áreas temáticas:

  • Administração Pública
  • Contabilidade
  • Empreendedorismo
  • Empresa Familiar
  • Estratégia
  • Ética e Responsabilidade Social
  • Finanças
  • Fiscalidade
  • Gestão das Organizações sem Fins Lucrativos
  • Inovação e Gestão do Conhecimento
  • Marketing
  • Organização de Empresas
  • Recursos Humanos
  • Turismo

Convida-se assim os docentes e alunos a desenvolver atividade científica participando nesta iniciativa e/ou outras da mesma natureza, de modo a que seja possível a criação do 1º Encontro de Investigação do ISCAD e a eventual publicação de trabalhos científicos na Revista Cientifica do CEGEP – Centro de Estudos em Gestão Pública do ISCAD que se pretende criar.

Para mais informações quanto a normas das comunicações, e principais datas sugere-se a consulta ao site do evento, clicando aqui.

Bolsa para lecionar e/ou realizar trabalhos de investigação em universidades ou centros de investigação nos EUA – ano lectivo 2018/2019

Áreas de estudo: 
Linguística, Didática, Pedagogia do Ensino das Línguas, Literatura, Formação à Distância, Comunicação, Sociologia, Ciência Política, História, História Contemporânea, Relações Internacionais, Artes Plásticas, Artes Performativas.
Estas áreas deverão estar circunscritas a temas de Língua e Cultura Portuguesas, sendo dada, igualmente, prioridade a projectos de especial relevância para as relações culturais luso-americanas.

Requisitos:

  • Doutoramento já concluído no momento do concurso à bolsa.
  • Bons conhecimentos de Inglês.
  • Prova de concordância com o projecto por parte da instituição norte-americana.

Processo de selecção:

  • Apreciação curricular e do projecto
  • Entrevista

Duração:
De 3 a 12 meses. A bolsa não poderá ter início antes de agosto de 2018.

Benefícios:

  • Financiamento até $12,000 (doze mil dólares), dependendo da duração da estadia
  • Acompanhamento do bolseiro durante a estadia nos EUA, por parte da Comissão Fulbright e do Council for International Exchange of Scholars.
  • Emissão dos documentos necessários ao visto J-1
  • Isenção do pagamento do visto
  • Seguro de saúde e acidentes durante o período da bolsa.
  • Orientação antes da partida para os EUA
  • Oportunidades de participação em seminários e outras actividades culturais e científicas organizados pelo Programa Fulbright, durante a estadia do bolseiro nos EUA, sujeitos a disponibilidade de fundos.
  • Integração na rede mundial de bolseiros Fulbright

Condições de elegibilidade:
Só são considerados elegíveis os candidatos que:

  • Possuam nacionalidade portuguesa.
  • Não tenham residido nos EUA durante um período igual ou superior a 5 anos, nos 6 anos anteriores à data do concurso.
  • Não possuam dupla nacionalidade, portuguesa e norte-americana.
  • Não possuam autorização de residência (green card) nos EUA.
  • Não possuam visto que lhes permita residir nos EUA, entre a altura do concurso à bolsa e o início do período de estadia nos EUA.

Candidaturas:
O concurso decorre entre 1 e 31 de Outubro de 2017.
As candidaturas são submetidas online (link para o formulário disponível abaixo).

Além do formulário de candidatura preenchido em inglês e submetido online até às 23h59 (hora de Lisboa) do último dia do prazo, uma candidatura completa é constituída pelos  seguintes elementos:

a)Três cartas de recomendação (Letters of Reference).
b) Cópia dos certificados ou diplomas comprovativos de cada grau académico obtido.
c) Carta de aceitação da instituição norte-americana. O candidato deverá entrar em contacto com a instituição onde pretende realizar o seu projecto e obter uma carta de aceitação, que especifique as datas de início e de fim de estadia e eventuais custos e benefícios envolvidos.
d) Regulamento da bolsa assinado e rubricado pelo candidato.
e) Os candidatos poderão ainda submeter cópias de trabalhos, artigos, livros, prémios, portfolios ou outros documentos que considerem relevantes.

Esta informação não dispensa a leitura do Regulamento da Bolsa Fulbright / Instituto Camões para Professores e Investigadores Doutorados e das Instruções de Candidatura, disponíveis para download em http://www.fulbright.pt/articles/category/bolsa-fulbright-camoes-instituto-da-cooperacao-e-da-lingua-para-professores-e-investigadores-doutorados.

Todos os pedidos de informação sobre esta bolsa devem ser enviados por email para plemos@fulbright.pt